domingo, 14 de novembro de 2010

MaDame Series Opina: Seriado Dexter - 1x04 - Let's Give the Boy a Hand ( 1ª Temporada - 2006)

MaDame Series Opina: O momento fora de série sobre Seriados de TV
Agora em novo formato, com insights por episódios,
e um fechamento a cada temporada.





"Eu não sou o monstro que ele quer que eu seja. Não sou nem homem nem animal. Eu sou algo totalmente novo. Com regras próprias. Eu sou Dexter"


Não há nada melhor, em uma produção dramática criminal como Dexter, do que ver um serial killer prestes a tirar a máscara de outro serial killer. É como contemplar sua vulnerabilidade. É um jogo de atração e repulsão, afinal nenhum dos dois deseja ser desmascarado, psicopatas sobrevivem através de máscaras sociais. Ameaçá-los com um provável desmascaramento é como transtorná-los com preocupações, mesmo que sejam mínimas e/ou tirar-lhes um pouco da confiante diversão. Neste episódio, em plena época do Dia das Bruxas, tradicional por seus disfarces, o assassino do caminhão de gelo dá um passo a mais e estuda o passado de Dexter, adentrando sua infância e se comunicando com ele através de fotografias que recriam o passado de Dexter. A tensão do anti-heroi é evidente e ele passa a questionar se ele é uma fraude, somente uma criação de seu pai Harry. Em comparação ao 1x03, o jogo entre os serial killers cresce na temporada. O segurança do estádio de Hockey, Tony Tucci (Brad William Henke) continua desaparecido. Partes do corpo de uma vítima são enviadas com fotografias para Dexter. O assassino do caminhão de gelo está testando Dexter. Dexter é uma mentira? Ou há muita verdade por trás de sua máscara? Todos têm suas máscaras. O episódio dá uma mão à audiência para o entendimento destes questionamentos.


Avaliação MaDame Lumière




Dirigido por Robert Lieberman. Elenco: Michael C. Hall, Julie Benz, Jennifer Carpenter, Erik King. Roteiro de Drew Z. Greenberg.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prezado(a) leitor(a)

Obrigada pelo seu interesse em comentar no MaDame Lumiére. Sua participação é muito importante para trocarmos percepções e informações sobre a fascinante Sétima Arte.
Madame Lumière é um blog democrático e sério, logo você é livre para elogiar ou criticar o filme assim como qualquer comentário dentro do assunto cinema. No entanto, serão rejeitadas mensagens que insultem, difamem ou desrespeitem a autora do blog assim como qualquer ataque pessoal ofensivo a leitores do blog e suas opiniões. Também não serão aceitos comentários com propósitos propagandistas, obscenos, persecutórios, racistas, etc.
Caso não concorde com a opinião cinéfila de alguém, saiba como respondê-la educadamente. Opiniões distintas são bem vindas e enriquecem a discussão.

Saudações cinéfilas,

MaDame Lumière