domingo, 21 de novembro de 2010

MaDame Series Opina: Seriado Dexter - 1x12 - Born Free ( 1ª Temporada - 2006)

MaDame Series Opina: O momento fora de série sobre Seriados de TV




"Vivi
na escuridão há muito tempo...mas aí, ele acendeu a luz,
ele acabou com minha memória e agora estou cego."



O último episódio da 1ª temporada de Dexter é o confronto final entre Dexter e o Assassino do Caminhão de Gelo. Seria mais um mero confronto entre psicopatas se não envolvesse questões pessoais e familiares de ambas as partes. A vida de Debra está em risco e Dexter precisa salvar sua irmã! Dizem que psicopatas não têm sentimento, mas Dexter tem uma consciência, e um carinho por sua irmã ainda que não o demonstre intensamente. O que vale o episódio é seu aspecto Dexteriano biográfico e como isso faz uma bagunça na cabeça de Dexter na qual as esferas emocionais vêem à tona e comprovam que o anti-heroi é humanizado quando sua consciência diz que ele deve ser humano, mas também esse episódio tem a relevância de explicar que a insanidade do Assassino do Caminhão de Gelo tem um fundamento assim como o seu apego à Dexter. Michael Hall é mais uma vez nascido para ser Dexter, desta vez, consumido por um intimista dilema. Imperdível e tenebroso!




Avaliação MaDame Lumière





Dirigido por Michael Cuesta. Elenco: Michael C. Hall, Julie Benz, Jennifer Carpenter, Erik Kings, Christian Camargo. Roteiro de Daniel Cerone e Melissa Rosenberg.

Um comentário:

  1. Essa temporada de Dexter foi uma das melhores coisas já produzidas pela televisão. MARAVILHOSA.

    ResponderExcluir

Prezado(a) leitor(a)

Obrigada pelo seu interesse em comentar no MaDame Lumiére. Sua participação é muito importante para trocarmos percepções e informações sobre a fascinante Sétima Arte.
Madame Lumière é um blog democrático e sério, logo você é livre para elogiar ou criticar o filme assim como qualquer comentário dentro do assunto cinema. No entanto, serão rejeitadas mensagens que insultem, difamem ou desrespeitem a autora do blog assim como qualquer ataque pessoal ofensivo a leitores do blog e suas opiniões. Também não serão aceitos comentários com propósitos propagandistas, obscenos, persecutórios, racistas, etc.
Caso não concorde com a opinião cinéfila de alguém, saiba como respondê-la educadamente. Opiniões distintas são bem vindas e enriquecem a discussão.

Saudações cinéfilas,

MaDame Lumière