sexta-feira, 6 de março de 2015

Rapidinhas no MaDame: Deixa Rolar (Playing it Cool) - 2014


Rapidinhas no MaDame:
Porque o que importa é o prazer da Cinefilia





Sobre a história: Um roteirista (Chris Evans) tem que escrever a narrativa de um filme romântico porém não tem inspiração. Ele tem sido um desastre nas relações afetivas e não costuma se apaixonar. Conhece uma mulher comprometida (Michelle Monaghan), se tornam amigos  e algo mais pode rolar.


Opinião Geral sobre o filme:   É o primeiro longa metragem do diretor Justin Reardon que quis brincar um pouco com o gênero da comédia romântica com um roteiro de elementos metalinguísticos na construção da narrativa e com uma inversão dos papéis tradicionais do homem e da mulher. Aqui é o homem que se apaixona primeiro e tem maior nível de exposição de seus sentimentos. Chris Evans interpreta um roteirista que tem trauma de relacionamentos e nunca esteve aberto a um amor de verdade. Sua dificuldade em escrever sobre um filme romântico está relacionada à falta de vivências reais de romances e uma decepção ocorrida na infância, dessa forma, tem que recorrer aos relatos e conversas de seus amigos tamanho o nível de insegurança.

Devido à falta de experiência da direção, a um roteiro que se arrasta no tempo, sem marcantes momentos e usa planos imaginários desnecessários e de pouca atratividade narrativa, o longa não é cativante e a descoberta do amor não é envolvente e convincente como em outras boas comédias românticas.


O desprazer: Na intenção de brincar com o gênero, a comédia carrega emoções artificiais na história. Ela é indecisa e não sabe o que quer, ele se apaixona como que à primeira vista. O roteiro usa artifícios narrativos que não são atrativos como  exagero no uso de narração e a construção de alguns planos ridículos e desnecessários como nos que o roteirista se vê dentro de histórias vivenciando clichês românticos. O problema desses artifícios não é o que foi feito mas como foi feito. Se for para assistir a um bom filme que brinca com o gênero comédia romântica, assista a O Crítico.


Por que vale a rapidinha?  Por conta da beleza e simpatia de Chris Evans e Michelle Monaghan. O casal não têm uma química incrível em tela mas agradam pelo carisma.







Ficha técnica do filme ImDB Deixa Rolar

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prezado(a) leitor(a)

Obrigada pelo seu interesse em comentar no MaDame Lumiére. Sua participação é muito importante para trocarmos percepções e informações sobre a fascinante Sétima Arte.
Madame Lumière é um blog democrático e sério, logo você é livre para elogiar ou criticar o filme assim como qualquer comentário dentro do assunto cinema. No entanto, serão rejeitadas mensagens que insultem, difamem ou desrespeitem a autora do blog assim como qualquer ataque pessoal ofensivo a leitores do blog e suas opiniões. Também não serão aceitos comentários com propósitos propagandistas, obscenos, persecutórios, racistas, etc.
Caso não concorde com a opinião cinéfila de alguém, saiba como respondê-la educadamente. Opiniões distintas são bem vindas e enriquecem a discussão.

Saudações cinéfilas,

MaDame Lumière